Foto: Antonio Augusto/Secom/TSE - Teste público de segurança da urna - 28.11.2023

Confira as primeiras impressões de representantes da Comissão Avaliadora, da USP e de investigadores

Nesta terça-feira (28), segundo dia de atividades do Teste Público de Segurança da Urna 2023, participantes individuais ou que integram grupos prosseguiram na execução dos planos de teste programados. O evento começou nesta segunda (27) e se estende até sexta (1º), no edifício-sede do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília (DF).

Durante toda a semana, as investigadoras e os investigadores inscritos, num total de 36 pessoas, vão executar 31 planos de teste nas urnas eletrônicas que serão usadas nas Eleições Municipais de 2024. Nesta terça, os participantes do Teste Público continuaram a implementar ações para realizar os planos, que buscam verificar a segurança das urnas eletrônicas.

Segundo o coordenador de Sistemas Eleitorais do TSE, José de Melo Cruz, os investigadores estão avançando e alguns testes já foram concluídos com sucesso parcial. Mas novas possibilidades de verificação surgem e trazem consigo a expectativa de mais trabalho até o final da semana. “Hoje temos vários grupos já bem avançados. Alguns já foram concluídos com um sucesso parcial e outros sem sucesso nenhum. Outros estão avançando, mas o processo está bem adiantado. Tem grupo com mais de um plano de teste. Então, temos bastante atividade até a sexta-feira”, descreveu.

Veja mais