Foto: Alejandro Zambrana/Secom/TSE - Teste Público de Segurança da Urna - 29.11.2023

Integrantes da Comissão Avaliadora e técnicos do TSE comentam movimentação dos participantes no ambiente do evento

Nesta quarta-feira (29), o terceiro dia do Teste Público de Segurança da Urna 2023 foi movimentado, com as investigadoras e os investigadores buscando efetivar estratégias e executar os planos de teste de verificação da segurança das urnas eletrônicas. Desde segunda-feira (27), 36 pessoas trabalham para executar 31 planos nos sistemas a serem utilizados nas Eleições Municipais de 2024. O evento vai até sexta (1º), em ambiente reservado no edifício-sede do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília (DF).

Comissão Avaliadora

Foto: Antonio Augusto/Secom/TSE - Teste público de segurança da urna - 29.11.2023

Servidor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e integrante da Comissão Avaliadora do Teste da Urna, Antonio Esio Marcondes Salgado, o Toné, acredita que os planos serão efetivamente aplicados a partir de agora. “Em princípio, nos primeiros dias, os investigadores têm um contato maior com o sistema, com as novas versões de software e sistemas periféricos da urna eletrônica. Só aí começam a tentar identificar algum tipo de vulnerabilidade, ou supõem o que seja algum tipo de vulnerabilidade. Mas ainda está numa fase incipiente”, explica Antonio Esio.

Veja mais