Visita de estudantes ao TSE - Foto: Antonio Augusto/Secom/TSE - 12.09.2023

Estudantes fizeram uma visita guiada pelo Tribunal e foram recebidos pela ministra Edilene Lôbo

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Alexandre de Moraes, cumprimentou, na sessão plenária desta terça-feira (12), cerca de 70 estudantes de Direto do Centro Universitário de Brasília (Ceub) e da Fundação Escola Superior do Ministério Público de Porto Alegre (RS), que participaram de uma visita guiada pelo Tribunal.

Antes da sessão, a ministra Edilene Lôbo recebeu os alunos e destacou que a Justiça Eleitoral brasileira é um sistema de Justiça especializada muito importante, porque não há outro igual. “O modelo de controle, organização e regulação do processo eleitoral, como funciona na Justiça Eleitoral brasileira, em três esferas de jurisdição, não existe no mundo. Em geral, a organização das eleições cabe a órgãos administrativos”, explicou Edilene.

A ministra destacou que o ano de 1932 foi um marco na história do país, tendo em vista que nasceram duas grandes instituições para a democracia: a Justiça Eleitoral e o voto feminino. Edilene ressaltou ainda que o ambiente eleitoral para quem está se preparando para o mundo profissional jurídico é muito rico e conta, por exemplo, com servidores, advogados, consultores e professores, além de Escolas Judiciárias Eleitorais, que se dedicam à capacitação do corpo técnico, mas também da sociedade como um todo.

Veja mais