Sessão plenária do TSE - Foto: Alejandro Zambrana/Secom/TSE - 09.11.2023

Ministros, MP Eleitoral e advogados enalteceram trabalho do magistrado, que se despede da Corte após quatro anos

No final da sessão plenária desta quinta-feira (9), os ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o Ministério Público Eleitoral e advogados prestaram homenagens ao corregedor-geral da Justiça Eleitoral, ministro Benedito Gonçalves, que encerra hoje sua atuação como integrante efetivo da Corte. Nos últimos quatro anos, ele ocupou uma das vagas destinadas aos ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Benedito Gonçalves compõe o TSE desde 26 de novembro de 2019, inicialmente na condição de ministro substituto. Em 9 de novembro de 2021, assumiu a vaga de ministro efetivo da Corte e, em setembro de 2022, foi eleito corregedor-geral. Com o fim do biênio como titular no Tribunal, Benedito Gonçalves deixa importantes contribuições para a Justiça Eleitoral.

Vídeo com a trajetória do ministro

No encerramento da sessão, foi apresentado um vídeo produzido pela Secretaria de Comunicação e Multimídia do TSE (Secom) resumindo a trajetória do ministro. A peça destacou momentos relevantes da trajetória de Benedito, como a atuação no combate à discriminação enquanto coordenador da Comissão de Promoção de Igualdade Racial; o desempenho como corregedor-geral, fiscalizando a regularidade dos serviços eleitorais em todo o país; e a ação à frente de importantes processos que chegaram à Corte.

Veja mais