Glossário da Justiça Eleitoral - 05.07.2023

Vocábulo remete ao tempo da urna de madeira, semelhante a uma caixa de fósforos

O termo é antigo, mas o que ele significa, não. A pessoa que tentava votar no lugar de outro eleitor – ou seja, um impostor – era apelidada de “fósforo”. Isso na época em que a urna de madeira era semelhante a uma caixa de fósforos. Nesse sentido, o fósforo se dispunha a “riscar”, isto é, a votar em qualquer urna. É desse modo que o Glossário Eleitoral, disponível no Portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), explica esse vocábulo. 

A ação de um fósforo configurava um crime eleitoral, uma conduta delituosa que maculava a votação e a apuração dos votos. Esse tipo de fraude eleitoral desvirtua a vontade do eleitorado, manifestada no sufrágio, por violação ou adulteração do processo democrático.  

Glossário

Com mais de 300 verbetes, o Glossário Eleitoral é um serviço que oferece um verdadeiro passeio pela evolução histórica do processo eleitoral brasileiro.

Veja mais