JE pelo Brasil 26.10.2023

Projeto da Corregedoria do TRE-SC possibilita a emissão de novos títulos e a regularização da situação a tempo das Eleições 2024

Desde o início de outubro, os cartórios eleitorais de Santa Catarina vêm realizando atendimento volante em cidades do interior do estado, especialmente naquelas onde não há um cartório sede. Por meio do projeto Justiça Eleitoral em Movimento, promovido pela Corregedoria do Tribunal Regional Eleitoral catarinense (TRE-SC), mais de mil atendimentos já foram realizados em 10 municípios.

Na primeira semana do mês, eleitores de Mafra, Luzerna e São João do Itaperiú compareceram a um posto da Justiça Eleitoral montado mais próximo de casa. Na semana seguinte, de 9 a 13 de outubro, os serviços foram levados até as cidades de Alfredo Wagner, Irani, Nova Itaberaba, Passos Maia, Rio Negrinho, Santa Terezinha e Treviso.

No caso de Nova Itaberaba, que tem aproximadamente 3,7 mil eleitores, foram efetuados quase 200 atendimentos em apenas três dias. O município está sob a jurisdição da 66ª Zona Eleitoral de Pinhalzinho, cuja sede fica a 25 quilômetros de distância. A chefe da 66ª ZE, Greyce Mahl, relata que esse número é maior do que a procura que o cartório recebeu dos eleitores daquela cidade durante todo o ano.

justica-eleitoral-pelo-brasil-santa-catarina

Veja mais