Ramos Tavares representou o Tribunal durante a abertura do ano judiciário em San José, na Costa Rica

Nesta segunda-feira (29), o ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) André Ramos Tavares participou da abertura do ano judicial da Corte Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), em San José, na Costa Rica. 

Na ocasião, foi realizada a cerimônia de posse da nova diretoria da Corte, que terá como vice-presidente o brasileiro Rodrigo Mudrovitsch. A presidência ficará a cargo da juíza costarriquenha Nancy Hernández López. Ambos terão mandato de 2024 a 2026.

Ministro Ramos Tavares representa o TSE na CIDH

O ministro André Ramos Tavares também participou de reunião do Pleno da Corte Interamericana de Direitos Humanos que ocorreu às 17h desta segunda. Durante a reunião, houve apresentação e discussão das atividades daquela Corte neste novo ano judicial e do importante papel da Justiça eleitoral na defesa da Democracia.

Veja mais