TPS 2023 - 28.08.2023

Ao longo de duas semanas, investigadores poderão analisar diferentes comandos da urna eletrônica desenvolvidos pela equipe de TI do Tribunal

De hoje (9) até sexta-feira (13), os pré-inscritos no Teste Público de Segurança (TPS) da Urna 2023 participam da primeira semana de pré-inspeção do código-fonte da urna eletrônica. A atividade, no edifício-sede do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília, contará com a participação de 13 pessoas dos estados da Bahia, Ceará, Goiás, Minas Gerais, Pernambuco e São Paulo e do Distrito Federal.

Nesta fase, será possível analisar, por exemplo, o conjunto de comandos existentes na urna desenvolvido pela equipe de Tecnologia da Informação da Corte Eleitoral. Uma segunda semana de análise do conjunto de comandos existentes na urna está prevista para ocorrer de 16 a 20 de outubro, quando outros 21 pré-inscritos estarão em Brasília para a inspeção.

Até o momento, 85 pessoas tiveram a pré-inscrição aprovada. Desse total, 29 optaram por atuar sozinhos e outros 56 estão divididos em 15 grupos. Os participantes individuais e os representantes de cada equipe poderão agendar, com no mínimo 48 horas de antecedência, a visita ao TSE, em Brasília (DF), para análise do código-fonte.

As informações obtidas pelos pré-inscritos durante a inspeção serão utilizadas para subsidiar os planos de testes apresentados à Comissão Reguladora do evento, que poderá opinar pela aprovação ou não dos documentos.

Veja mais